Pages

sexta-feira, 17 de maio de 2013

Vc é gordo ou está gordo???


O post é longo mais vale muito a pena. 

Segura na mão de Deus e vem!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! 

Vamos a algumas considerações:

Em primeiro lugar, a gordura tem funções vitais para o ser humano:

• É uma reserva de energia;

• Ela é responsável pela captação, na digestão, das vitaminas A, D, E e K;

• Ela é parte integrante das células do nosso corpo;

• Ela é um protetor físico, nos protegendo contra o frio e protegendo nossos órgãos internos, amortecendo impactos;

Ela é importante, não há dúvidas sobre isto. O problema é o excesso. E como tudo na vida, quando em excesso, ela pode fazer mal.

E, quando é que há excesso?

Do ponto de vista fisiológico, a quantidade mínima de gordura no ser humano é de 4 % de seu peso corporal total. Nas mulheres, que possuem ainda uma quantidade de gordura localizada nos seios e no púbis, conhecida como “gordura sexual”, a quantidade mínima gira em torno de 9%.

Existe também a quantidade de gordura conhecida como atlética, que dependendo do esporte e às vezes, da posição do atleta em seu esporte: o atacante, o zagueiro, o goleiro, no futebol, por exemplo, há uma variação da quantidade entre 4% e 12%, dependendo do esporte (O sumô é uma exceção).

Do ponto de vista fisiológico, a quantidade de gordura saudável no homem vai até 15% e na mulher, até 23%.

Acima disto, há um sobrepeso causado pela quantidade de gordura, que no homem oscila de 15% a 25% e na mulher de 23% a 30%.

Acima desses valores, já podemos começar a pensar em obesidade, em seus diferentes graus, até chegarmos à obesidade mórbida, o que compromete seriamente o estado de saúde das pessoas.


Do ponto de vista estético, temos que considerar questões de natureza sócio-culturais. Em algumas culturas ter um aspecto mais rechonchudo é mais bonito, enquanto que para outras, o ideal é ser magro. Os padrões sociais da cultura ocidental nos impõem esta segunda opção e para nos sentirmos aceitos em nossos grupos sociais, procuramos emagrecer, às vezes, além do que seria, para nós, saudável.

Mas, o atual estilo de vida da sociedade ocidental está nos levando a um estado epidêmico de sobrepeso, com uma forte tendência à obesidade.


E você?

Você é gordo ou você está gordo?

Como é isso?

Ser gordo é uma questão de essência e estar gordo é uma questão circunstancial.

Quer entender melhor?

Ser gordo é uma questão de atitude. De Pensar gordo e de agir gordo.

Ser magro também é uma questão de atitude. De pensar magro, de agir magro.

Atitude é diferente de decisão.

Decisão é uma intenção, uma ação futura. Vou emagrecer. E do ponto de vista neuro-linguístico, só vai acontecer no futuro.
Atitude é uma ação presente. Emagreci. Pode parecer mentira, mas não é. O emagrecimento começa no nosso cérebro e depois vai para o nosso corpo.

Pense magro, aja magro e emagrecer será uma conseqüência.

Eu sou magro, estou gordo, momentaneamente, mas sou magro.

Se você está sentindo-se mal porque está gordo, quer seja do ponto de vista fisiológico ou sócio-cultural, tome uma atitude. Agora, comece a pensar magro e agir como um magro age: faça atividade física regularmente, coma adequadamente, repouse plenamente.

Se você conhece um magro que não faz isto, não se engane: ele não é magro, ele simplesmente está magro.

E posso te garantir, por pouco tempo.

Estar gordo é uma questão de corpo. Ser gordo é uma questão de alma.

Shakespeare tinha razão: “ser ou não ser: eis a questão”.

Guilherme Pontes
CREF 899-G/DF



Fonte: Blog Larissa cerqueira, nutricionista esportiva  31/01/2011 http://larissacerqueira.blogspot.com/


Eu sou magra... e vc?


bjoss

3 comentários:

Cris disse...

Essa frase diz tudo.. “ser ou não ser: eis a questão”.. depende de nós..né amiga ser ,mudar e tudo mais..
Adorei seu blog estou na caminhada lutando contra a balança...já estou te seguindo de pertinho

Sucesso na sua caminhada.
Bjokas

Cris
http://querendomuitoemagrecer.blogspot.com.br/

Gi poderosa disse...

Otimo texto...


eu no momenyo sou gorda
com attudes gordas...sniff
mas vou mudar


adorei seu blog
bjs

Teka Montenegro disse...

Que texto magnifico!! Adorei! É meio que um tapa na cara! Não adianta falarmos que vamos emagrecer no futuro sem pensar e agir para que isso aconteça! Magnifico mesmo!